Mundial Mazemclubes

14 dez

Quatorze de dezembro de 2010, alguma coisa muda no mundo, pelo menos no do futebol. E, pasmem, a FIFA estava certa. Bola prum lado, bola pro outro. Marcação apertada. Muita correria africana e o Colorado desperdiçando gols. Gol. Um à zero pro Mazembe. Mazembe que já havia participado de duas edições anteriores. Mazembe que correu e correu e correu. Habilidade x garra, o eterno duelo interno do futebol. Mazembe que eliminou o Pachuca. E que agora eliminava o Inter. Dioko Kaluyituka. No ataque, sosinho, ele pedala pra cima do ultimo homem, que nem zagueiro é. Guiñazu olha pra trás, ele sabe o que aconteceu: o fim do sonho do bicampeonato mundial. Gol, do Mazemebe. Talvez seja isso que toda a torcida colorada tenha pensado naquele momento. Já o mundo do futebol soube: a FIFA estava certa. Óbvio. Como não estaria? Como dizer que o Santos levou o título mundial de 1962 se tudo que ele teve pela frente foi o Benfica? Onde estava o time da África ou o da Ásia naquela momento? 92, 93… São Paulo? Por que não o Verdy Kawasaki, campeão da J-League daquele ano? 1999 -Manchester United. 2004…  …Também, quem teve a maldita idéia de tornar coletivo um substantivo que no máximo era composto, e o pior, de dois núcleos apenas?

O fato é: o até então mundial não era Mundial.
E hoje vimos o Mazembe se classificar para a Final.

Anúncios

2 Respostas to “Mundial Mazemclubes”

  1. wellington dezembro 15, 2010 às 6:26 pm #

    considerando que antes o futebol mundial se resumia a europa e america do sul eu discordo um pouco disso, mas os tempos mudam e agora esse tipo de mundial até que é legalzinho, desde que não tenha 7 times como foi esse ano, e também veja só, desde que foi feito desse jeito, sempre deu américa do sul x europa na final então, tavles a fifa não esteja tão certa (pra variar) o fato é que, a final de mundial tem que ter dois times de países diferentes e não ser um clássico rio-são paulo. pra bom entendedor… #ficadica

    • Gustavo Jakitas dezembro 15, 2010 às 7:39 pm #

      Idéias sobram quanto ao modelo do campeonato. Qual é o sentido de haverem 7 times com dois continentes favorecidos e um completamente prejudicado? Não precisa de muito para perceber que já que se está com 7, por que não um modelo básico, talvez 8?
      Hoje em dia , temos no mundo diversas oportunidades para que isso seja feito. O que importa é que seja consolidado um orgão forte, que não falhe em suas definições, para que futebol, que é e sempre foi um esporte, com todas as regalias de tal, não acabe como política, como orgãos demais e soluções em conflito.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: